Trabalhar com maquiagem: é possível construir uma carreira na área?

Foi-se a época em que só era bem-sucedido quem fizesse Engenharia, Direito, Medicina ou outro curso igualmente renomado e tradicional. Hoje em dia, os tempos são outros, com cada vez mais gente entendendo que ter sucesso é fazer muito bem aquilo que ama e investir em si mesmo. Você sonha em trabalhar com maquiagem, por exemplo? Pois saiba que pode sim se dar muito bem!

Quer entender mais sobre o assunto para ter segurança na sua escolha? Então confira a seguir as informações que preparamos para guiá-lo rumo à realização do seu sonho!

Trabalhar com maquiagem dá futuro?

Para responder a essa pergunta, devolvemos com outra: tem demanda? Será que existe gente querendo (e precisando) ser maquiada? É claro que tem muita gente por aí precisando dos serviços profissionais de um maquiador. Aliás, esse é um dos mercados que mais cresce no Brasil, sabia? Repare como são diversos os nomes conhecidos no setor, que servem de referência. Podemos citar:

A grande vantagem desse mercado está no fato de a maquiagem ser uma arte que abre um leque quase infinito de possibilidades. Mas o que faz determinados maquiadores serem tão influentes? Qual a causa do seu sucesso? Pode ter certeza: há muito suor por trás do incontestável talento que possuem.

Para se destacar, um profissional de qualquer área precisa estudar e investir constantemente em sua qualificação, certo? O mesmo se aplica ao mundo do make-up! Lembre-se: quanto mais concorrido é o mercado, maior é a necessidade de adquirir experiência, habilidade e conhecimento.

Como é possível se profissionalizar na área?

Se antigamente a carreira de maquiador não estava contemplada no mundo acadêmico, hoje em dia isso mudou completamente. As faculdades já oferecem cursos especializados na área cosmética, ensinando tudo o que é preciso saber para você se lançar com segurança em seu sonho.

É o caso do curso de Tecnologia em Estética e Cosmética. Por ser uma formação tecnológica, você não precisará esperar muito tempo até se tornar um profissional diplomado. Assim, é possível reunir 2 ingredientes fundamentais para o sucesso: o talento natural para trabalhar com maquiagem e o conhecimento técnico.

Nesse curso, você será apresentando a um mundo incrível que está por trás de cada pincel de base. Só para ter uma ideia, são abordados temas como:

  • cosmetologia estética: área que estuda as melhores fórmulas para os cosméticos, de acordo com suas propriedades;
  • sistema tegumentar: são as estruturas que compõem o revestimento do nosso corpo, incluindo unhas, cabelos e glândulas;
  • gestão e marketing: disciplinas fundamentais para que você consiga empreender com sucesso na área de serviços de beleza.

E ainda tem muito mais, claro! Com toda essa bagagem, você vai demonstrar autoridade no que fala ao lidar com cada cliente, ganhando confiança e respeito para se tornar referência na área.

Por que investir em uma formação superior?

São vários os motivos para você não abrir mão da faculdade. O primeiro deles é que somente a educação superior pode providenciar o diploma que diferencia um amador de um profissional. E isso vale especialmente para a profissão de esteticista, regulamentada há pouco tempo.

Não tenha dúvidas de que, em vários momentos da vida e na disputa por um espaço no mercado, você vai se deparar com aquela perguntinha que faz gelar a espinha de muitos: “mas qual a sua formação na área?”. E nada melhor que ter a resposta na ponta da língua, não é mesmo?

Mas atenção: a questão do diploma é apenas um dos fatores, não o único, ok? Afinal, você será responsável pela saúde, pela segurança e pelo bem-estar do cliente à sua frente. Se aplicar um produto inadequado, por exemplo, terá que assumir a responsabilidade por esse erro, o que pode levar por água abaixo anos e anos de boa reputação. É fato: o conhecimento técnico protege tanto o cliente como você mesmo!

Além disso, vale destacar que, na faculdade, você vai conhecer vários futuros profissionais, podendo se encontrar com eles em diversos momentos da sua carreira, firmar parcerias, propor trabalhos, dar e receber indicações. O melhor, então, é começar a trabalhar seu networking o quanto antes!

Qual o perfil do profissional de Estética e Cosmética?

Antes de mais nada, o profissional de Estética e Cosmética é especialista em saúde e bem-estar. Ele deve, claro, ter intimidade com cosméticos, sabendo quando cada um pode e deve ser aplicado, mas também precisa gostar de lidar com aparelhos próprios da área, usados para fazer limpeza de pele, sucção, depilação, massagem e assim por diante. Em resumo: tem que gostar de colocar a mão na massa!

Quem estuda nessa área pode trabalhar tanto em consultórios de Dermatologia como de Cirurgia Plástica, complementando a atividade de um cirurgião nos tratamentos preventivos ou corretivos e acompanhando os pacientes durante o período pós-cirúrgico. Mas ainda há inúmeras outras possibilidades, como:

  • prestar consultoria de imagem pessoal ou representar empresas de equipamentos da área estética;
  • aplicar tratamentos para melhoria da estética corporal;
  • especializar-se em estética facial, prevenindo e combatendo o envelhecimento precoce;
  • atuar com maquiagem profissional para TV, cinema, moda e ensaios fotográficos;
  • trabalhar com pinturas corporais artísticas e maquiagem com aerógrafo.

Quanto ganha um profissional da área?

O nível de salário desses profissionais varia muito, dependendo de vários fatores, como:

  • sua formação, incluindo faculdade, pós-graduação e outros cursos de extensão;
  • sua experiência e seu tempo de mercado;
  • seu networking e marketing profissional, que darão destaque para seu nome junto ao público.

Na verdade, costuma ser difícil falar sobre salário em qualquer profissão, uma vez que isso é resultado do investimento e da qualidade do trabalho. De toda forma, para você ter uma ideia, segundo o Guia da Carreira, o salário inicial de um esteticista no Brasil gira em torno de mil reais. Mas também não é difícil encontrar casos de pessoas que ganham muito (mas muito mesmo) mais que isso por aí.

Como é a graduação na área?

Quando falamos em graduação tecnológica, estamos nos referindo a cursos que aliam teoria e prática, procurando formar profissionais objetivos, prontos para o mercado. E no curso de Tecnologia em Estética e Cosmética não é diferente.

Nesse caso, o aluno se capacita para usar corretamente as técnicas, os produtos e os equipamentos cosméticos para colocar em prática seus conhecimentos. Ele também estuda disciplinas de gestão, para que tenha segurança se quiser abrir seu próprio negócio.

São 3 anos de estudos que incluem aulas teóricas, práticas, atividades de extensão e de monitoria, além de procedimentos em laboratórios de estética e cosmética. Depois dessa jornada, você sai com todas as aptidões para encarar um público que precisa de profissionais qualificados.

Se para você não basta apenas conhecer um pouquinho de cada coisa e ver vídeos amadores no YouTube, portanto, invista em si mesmo! Trabalhar com maquiagem é com certeza uma carreira do futuro. Que tal começar a plantar a sementinha do sucesso desde já?

Quer saber por onde começar? Confira um e-book completo sobre como escolher uma instituição para estudar! Assim, você já pensa no primeiro passo, que é a qualidade da sua formação. Boa sorte e conte conosco nessa caminhada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This