Tiramos suas dúvidas entre cursar Biologia ou Biomedicina

Chega o momento de decidir qual profissão seguir e a escolha nem sempre é simples. Há uma variedade de cursos, mas como saber qual se encaixa mais ao seu perfil e objetivos de carreira?

Uma dúvida muito comum para quem já sabe que é da área de biológicas é definir se cursa Biologia ou Biomedicina. Quais as principais diferenças entre essas graduações? Como é o mercado de trabalho para cada uma?

Se você também está com essas dúvidas, continue a leitura do post e conheça mais sobre as áreas de estudo e oportunidades de carreira de cada curso!

Como é o curso de Biologia?

O curso de Ciências Biológicas tem duração de 4 anos e é oferecido nas modalidades licenciatura e bacharelado.

Áreas de estudo

A Biologia é a área do conhecimento que estuda todas as formas de seres vivos e como se dá sua relação com o meio ambiente. É uma formação que se dedica, portanto, à pesquisa da origem e desenvolvimento de organismos macro e microscópicos.

Quem escolhe a licenciatura vai se deparar com uma matriz curricular voltada também para as questões pedagógicas, porque o licenciado em Biologia recebe a formação para dar aulas dessa disciplina nos Ensinos Fundamental e Médio.

Assim, é a carreira ideal para quem se identifica com as ciências biológicas e tem a intenção de ser professor. O curso, além do enfoque em todas as áreas da Biologia, traz também disciplinas relacionadas à didática, metodologia de ensino e outras práticas pedagógicas.

Quem decide pelo bacharelado tem uma atuação mais abrangente na área. Pode trabalhar com pesquisas em laboratórios, em ações no meio ambiente ou atuar ainda na saúde pública ou setor industrial.

Mercado de trabalho

Está na dúvida entre Biologia e Biomedicina? Saiba que o biólogo tem um mercado de trabalho bem promissor, tanto em âmbito público como privado. É uma área em expansão, principalmente com o enfoque maior que é dado atualmente à sustentabilidade e também às pesquisas genéticas — segmentos em que o profissional encontra boas possibilidades de crescimento na carreira.

Oportunidades de carreira

Muita gente não sabe, mas, segundo o Conselho Federal de Biologia (CFBio), são mais de 80 segmentos em que um biólogo pode atuar. Acompanhe algumas áreas:

Ensino

Área com alta demanda na educação básica (escolas públicas e particulares), cursos técnicos e cursinhos pré-vestibulares.

É um nicho em que o biólogo pode também trabalhar em zoológicos, museus, parques e unidades de conservação, desenvolvendo ações educativas para grupos de alunos e outros visitantes.

Pode ainda atuar em editoras, na área de livros didáticos da área de Biologia.

Genética

Oportunidade para trabalhar com mapeamento genético e células-troncos, área em destaque atualmente. O biólogo pode realizar, por exemplo, estudos de DNA para testes de paternidade.

Biologia Marinha

Se você quer trabalhar com a vida oceânica e sua conservação, pode se identificar com a Biologia Marinha, que se ocupa dos estudos da vida dos seres desse ecossistema e de sua interação com o ambiente.

Botânica

Campo de trabalho em que o biólogo pode atuar em museus, herbários, reservas naturais ou parques, fazendo a pesquisa e identificação de plantas. Pode atuar ainda na indústria com a pesquisa de extratos naturais para uso na fabricação de cosméticos ou medicamentos, por exemplo.

Biotecnologia

Área voltada para quem pretende atuar na indústria de alimentos e medicamentos. O biólogo realiza o trabalho em laboratório e estuda organismos que possam ser utilizados nesses produtos.

Meio Ambiente

Pode atuar nos setores público e privado em áreas naturais ou para empresas, realizando estudos de impacto ambiental.

Biocomputação

Se você gosta da junção de tecnologia e Biologia, vai gostar de atuar com programas computacionais para o desenvolvimento de modelos tridimensionais de moléculas e outros sistemas celulares, facilitando, assim, o estudo dessas estruturas.

Como é o curso de Biomedicina?

É uma graduação do tipo bacharelado com duração de 4 anos e com um conteúdo que une teoria e muita prática em laboratório.

Áreas de estudo

O biomédico trabalha com análise e pesquisas de materiais biológicos, como sangue, tecidos, plantas e alimentos. O objetivo do seu trabalho é estudar essas amostras para identificação de agentes que causam doenças.

Por isso, é um curso com uma matriz curricular bem variada, pois além da área da Biologia, o estudante tem noções de Farmácia e até de Medicina. Ele aprende sobre a estrutura e funcionamento das células, tecidos e sistemas, patologias e saúde coletiva.

Estuda também sobre: Análises Clínicas, Reprodução Humana Assistida, Bromatologia, Imunologia e até Perícia.

Mercado de trabalho

A Biomedicina é uma carreira em alta nas esferas pública e privada. Isso se deve, principalmente, ao desenvolvimento de pesquisas na área de genética e ao crescimento de tratamentos de reprodução humana assistida. Há espaço para o profissional também nas áreas de pesquisa para a criação de novos medicamentos e vacinas.

Pode atuar em hospitais, laboratórios, clínicas de reprodução humana, farmácias de manipulação, indústrias, universidades, centros de vigilância sanitária, entre outros locais.

Oportunidades de carreira

O Conselho Federal de Biomedicina (CFBM) definiu 35 opções de habilitação para quem é formado na área. Confira alguns segmentos de atuação:

Análises Clínicas

É a área em que o biomédico encontra mais espaço. Pode trabalhar em laboratórios e hospitais realizando exames clínicos.

Bromatologia

O profissional faz a análise de alimentos, a fim de garantir o controle de qualidade. Encontra espaço em indústrias alimentícias.

Análises Ambientais

Segmento em que o biomédico faz análises físico-químicas e microbiológicas para o saneamento de áreas ambientais e tratamento de água e efluentes.

Genética

Pode trabalhar com exames de citogenética humana molecular, preparação citológica e análises. Há espaço ainda para atuar em genética forense, realizando análises para contribuir com a elucidação de crimes.

Reprodução humana

Pode trabalhar com tratamentos de fertilização, fazendo a manipulação de gametas e também a identificação de problemas de infertilidade.

Biomedicina Estética

Pouca gente sabe, mas o biomédico pode atuar também no segmento da estética, aplicando toxina botulínica, preenchimentos, entre outros procedimentos.

Qual devo escolher: Biologia ou Biomedicina?

Para decidir entre esses cursos, é importante que você analise seu perfil e o que espera da vida profissional. O que você pretende estudar? Em qual área quer atuar?

A Biologia vai trabalhar com o estudo sobre qualquer forma de vida de uma maneira ampla e também com preservação ambiental, com a possibilidade de se tornar professor (no caso da licenciatura).

Já a Biomedicina é voltada para o estudo do corpo humano, portanto, realiza análise de amostras e tecidos biológicos, a fim de identificar microrganismos causadores de doenças. É, portanto, uma carreira para quem pretende atuar com saúde.

Conseguimos esclarecer suas dúvidas sobre cursar Biologia ou Biomedicina? São carreiras com atuação bem diferentes, porém com boas oportunidades de crescimento na carreira. Pesquise sobre a grade curricular dos cursos para que você possa tomar a melhor decisão.

Está difícil saber qual área do conhecimento você tem afinidade para, assim, descobrir qual profissão quer seguir? Baixe nosso guia de orientação vocacional e veja como será mais fácil fazer essa escolha!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This