Não gosto de ler. E agora? Conheça 6 opções de graduação para você!

Eu não gosto de ler. Será que isso me prejudica? Não necessariamente! Tem muita gente no mesmo barco que você, sabia? Isso definitivamente não define o sucesso ou o fracasso profissional de alguém. O ponto-chave aqui é seguir uma carreira compatível com esse seu jeito. Isso é o básico, concorda?

Existem opções de graduação mais favoráveis para quem não gosta de passar tanto tempo lendo textos enormes ou que detesta ter que folhear capítulos e mais capítulos para entender melhor uma matéria. A dica é procurar o que você gosta de fazer.

Adora cálculos? Mergulhe no mundo das Exatas! Tem um perfil bem hands-on? Parta para ciências práticas, com muitos laboratórios, para você colocar mesmo a mão na massa! Gosta de organizar e documentar? Foque nas áreas administrativas. O importante é achar seu caminho, sem se obrigar a encarar leituras excessivas.

Quer uma ajudinha no processo? Acompanhe este post (prometemos que é rápido) e confira algumas dicas para escolher a melhor opção de graduação para você!

Por que o hábito de ler pode ser bom para mim?

Antes de falarmos sobre as possíveis graduações para quem não gosta de ler, vamos fazer uma última tentativa de convencê-lo a cultivar esse hábito. Isso porque a rotina de leitura é benéfica em vários aspectos da vida.

Além de exercitar o cérebro e ajudar a manter a mente afiada, ler com frequência ajuda a deixar os conhecimentos gerais em dia. Fora isso, na leitura você também encontra diversão e prazer.

Se você não gosta de ler, uma boa pedida é começar aos pouquinhos, com pequenos textos sobre assuntos que acha interessante. Dando esse primeiro passo, é bem possível que, em não muito tempo, você já esteja lendo livros inteiros sem nem perceber!

Além disso, para dar um ânimo extra, procure conhecer técnicas de leitura rápida! Pode apostar: aprendendo a ler em menos tempo, você vai animar ler mais.

Que cursos de graduação posso fazer se não gosto de ler?

Como você provavelmente ainda não criou o hábito da leitura, deve estar se perguntando que cursos pode fazer. Bom, a verdade é que existem inúmeras opções de graduação que não exigem tanto esforço de leitura dos alunos. Confira 6 delas!

1. Engenharias

As Engenharias são excelentes opções de curso superior que não exigem que você passe horas e horas lendo por dia. A grade é voltada principalmente para as Ciências Exatas, como Matemática, Química e Física. Assim, a rotina envolve muito mais a prática de exercícios que a leitura.

As áreas de atuação para os engenheiros são muitas, variando de acordo com o tipo de Engenharia escolhida. Para você já ter uma ideia, as opções vão desde o chão de fábrica até cargos administrativos em grandes empresas.

2. Gastronomia

O curso de Tecnologia em Gastronomia é bacana para quem não gosta tanto de ler, pois foca bastante na prática. Os alunos passam muito mais tempo colocando a mão na massa do que lendo assuntos teóricos sobre a área.

Ao contrário do que muita gente pode pensar, a atuação do formado em Gastronomia não se limita às cozinhas de restaurantes. Esses profissionais também podem atuar na gestão de fornecimento de produtos alimentícios, na administração de pessoal, entre outras possibilidades.

3. Educação Física

Apesar de o curso de Educação Física ser oferecido em 2 modalidades tradicionais (licenciatura e bacharelado), trata-se de outra graduação em que os estudantes precisam praticar bastante o que é aprendido em sala de aula. O curso é indicado para quem gosta de exercícios físicos justamente porque o conhecimento sobre como executá-los corretamente é exigido ao longo da graduação.

O formado em Educação Física tem um mercado amplo de trabalho, que vai desde a atuação em escolas, como professor, passando pelas academias, como instrutor, até a opção de se tornar personal trainer.

4. Estética e Cosmética

O curso de Tecnologia em Estética e Cosmética é outra opção para quem prefere colocar a mão na massa e não nos livros. Por ser um curso de menor duração em comparação com o bacharelado tradicional, o tecnólogo coloca os alunos imediatamente de cara para a prática.

Quem se forma em Estética e Cosmética tem um campo bem amplo de trabalho. Esses profissionais estão presentes em:

  • clínicas de beleza;
  • academias de ginástica;
  • consultórios com foco em procedimentos estéticos;
  • consultorias de imagem;
  • casas de repouso;
  • estâncias hidrotermais;
  • farmácias;
  • indústrias de cosmético;
  • centros de pesquisa e desenvolvimento.

Por isso, se ler não é seu forte, mas a beleza sim, considere Estética e Cosmética como uma forte candidata à sua profissão dos sonhos.

5. Ciências Contábeis

Se você gosta de números, adora o ambiente empresarial e é bastante detalhista com contas, planejamento financeiro, impostos e assuntos desse tipo, o curso de Ciências Contábeis pode fazer seus olhos brilharem.

O contador registra a receita de uma empresa, analisa seus lucros, organiza suas despesas e controla o fluxo de caixa do negócio como um todo. O sucesso da organização e sua sustentabilidade no longo prazo dependem muito desse profissional.

Para estudar Ciências Contábeis, você precisa:

  • ser focado;
  • ter visão sistêmica, vendo as coisas de modo global e não olhando somente para os detalhes;
  • gostar de trabalhar com prazos;
  • ter muito senso de responsabilidade;
  • apresentar facilidade com números.

Nesse curso, você vai precisar ler um pouco mais do que nos outros já citados, pois o contador precisa conhecer bem a legislação. Mas esse não é o foco principal dos estudos, viu?

Como profissional de Ciências Contábeis, você pode atuar fazendo auditorias e perícias, analisando custos, verificando aspectos tributários e muito mais, tanto em empresas públicas como em organizações privadas.

6. Arquitetura e Urbanismo

Quem gosta de projetar espaços e edifícios vai se sentir em casa nesse curso, que forma profissionais aptos a trabalhar com:

  • comunicação visual;
  • paisagismo;
  • iluminação;
  • restauração de edifícios;
  • mapeamento de trânsito.

Viu como o curso de Arquitetura e Urbanismo proporciona um campo de atuação bem vasto? E o melhor: também tem muita prática! Você vai fabricar maquetes, modelos e usar bastante a prancheta e a régua. Gostou da ideia?

No fim das contas, portanto, seu “não gosto de ler” nunca será um impeditivo para que se tornar um profissional de excelência! É claro que o hábito da leitura traz muitos benefícios, mas você não precisa necessariamente se tornar um devorador de livros para fazer a faculdade dos seus sonhos.

Conhece alguém que também não gosta de ler? Compartilhe este post em suas redes sociais e marque os amigos que podem aproveitar essas dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This