Como escolher entre os 7 principais tipos de Engenharia

Escolher um curso profissional definitivamente não é uma tarefa fácil. Já parou para pensar na variedade de opções e oportunidades que o mercado oferece? Sem sombra de dúvidas, esse verdadeiro mar de possibilidades dificulta bastante a tomada de decisão. É fundamental, portanto, manter a calma e pesquisar muito!

Que tal focar nas ciências exatas, extremamente importantes para o desenvolvimento da nossa sociedade? Com suas técnicas e habilidades, os profissionais que atuam nessa área criam tecnologias que proporcionam bem-estar e qualidade de vida para as pessoas. Daí podemos destacar a Engenharia, um dos principais exemplos dessa forma de conhecimento.

No entanto, como são vários os possíveis ramos para a atuação de um engenheiro, o ideal é que você conheça as diferenças entre eles o quanto antes para acertar de primeira na escolha! Antes de entrarmos em detalhes, porém, é bom lembrar que as necessidades de melhoria na infraestrutura nacional geram uma demanda constante por novos projetos, criando assim inúmeras vagas nesse mercado.

Nossa intenção hoje é, ao longo dos próximos tópicos, repassar ao menos as principais informações sobre os 7 principais tipos de Engenharia existentes. Aproveite a leitura e se prepare para escolher!

1. Engenharia Ambiental e Sanitária

Tema muito recorrente hoje em dia, a sustentabilidade exige que todos os setores econômicos usem os recursos naturais de maneira consciente, evitando, porém, que a qualidade dos serviços e dos produtos seja prejudicada. Pois é de olho nisso que o curso de Engenharia Ambiental e Sanitária se propõe a formar profissionais aptos a melhorar a relação entre o meio ambiente e o setor produtivo da economia.

Quem escolhe essa Engenharia pode atuar tanto no campo quanto nos grandes centros urbanos, aplicando seus conhecimentos em prol da redução da poluição e da preservação ambiental. A recuperação de nascentes e o reflorestamento também são aspectos importantes.

O engenheiro ambiental é um especialista bastante necessário para o desenvolvimento do nosso país, que tem uma das maiores reservas naturais do planeta. Basicamente, a atuação desse profissional deve garantir o futuro das próximas gerações, sem para isso comprometer o progresso e o desenvolvimento das organizações.

2. Engenharia Civil

Ao se falar em Engenharia, a primeira ideia que costuma vir à cabeça das pessoas está ligada à Engenharia Civil. Com suas metodologias de trabalho, essa área viabiliza a construção de grande parte da infraestrutura necessária para qualquer aspecto da vida moderna — como residências, hospitais, redes elétricas, barragens, aeroportos e escolas.

O engenheiro civil estuda vários assuntos ligados à Física, à Matemática e à Química. Ao escolher esse curso, portanto, prepare-se para fazer muitas contas e análises numéricas! Já adiantando, dois de seus principais conteúdos estão ligados à resistência dos materiais e à teoria das estruturas. Parecem assuntos interessantes?

No entanto, não é somente com livros que se faz um bom engenheiro civil, viu? Muitos se esquecem de um fator essencial para o sucesso desse profissional: a atuação em canteiros de obra e escritórios, atividades que exigem liderança e muita confiança. Aqui entra o diálogo, importante ferramenta para coordenar equipes e tomar decisões eficientes. Também é possível atuar na gestão de empresas, mediante a realização de cursos de especialização.

Na construção civil, a sustentabilidade também é questão de primeira ordem. Afinal, essa é uma das áreas que mais consome recursos materiais e financeiros, o que faz com que esse tipo de profissional precise atuar de maneira correta, sempre de acordo com as legislações ambientais.

3. Engenharia da Computação

Se você gosta de novas tecnologias e de programação, talvez a Engenharia da Computação seja o caminho certo a ser trilhado! Os estudantes desse tipo de Engenharia desenvolvem e constroem softwares, hardwares e sistemas para o mercado, criando soluções para melhorar a experiência de clientes e funcionários em todos os setores produtivos da economia.

Essa área apresenta um crescimento exponencial graças à crescente demanda por novas tecnologias e soluções mobile. Com esse curso, portanto, você provavelmente encontrará boas opções de trabalho!

4. Engenharia de Controle e Automação

Formando-se em Engenharia de Controle e Automação, o profissional se encarrega de projetar, operacionalizar, programar e controlar o funcionamento das máquinas e dos processos usados na indústria. A automação residencial é outro setor em que esse profissional pode atuar. Saiba: por se tratar de um curso mais recente, essa área tem uma carência enorme de especialistas.

5. Engenharia de Produção

Esse tipo de Engenharia prepara o estudante para o gerenciamento de empresas e organizações. Em vista disso, o curso traz várias matérias relacionadas à logística, à administração em si e aos processos produtivos. Pare e pense por um minuto: a princípio, essas são áreas do seu interesse?

Um engenheiro de produção deve administrar os recursos da empresa, tornando o ambiente de trabalho mais eficiente e produtivo. Na prática, o campo de atuação aqui é muito vasto, o que faz com que os profissionais consigam trabalhar em todos os tipos de negócio, do setor alimentício à área de produção automobilística.

6. Engenharia Elétrica

A energia elétrica é primordial para o funcionamento da maioria dos sistemas e aparelhos atuais, certo? Não é de se estranhar, assim, que esse seja um tipo de Engenharia bem importante!

Seus estudantes são preparados para criar sistemas e projetos seguros e eficientes. As estações geradoras de energia elétrica (como as usinas hidroelétricas e eólicas) são operadas e controladas por engenheiros eletricistas, por exemplo. O eletromagnetismo, a eletricidade e a eletrônica são os campos mais estudados por esses alunos.

7. Engenharia Mecânica

Um engenheiro mecânico projeta, dimensiona e constrói diversos tipos de máquinas e equipamentos usados no dia a dia tanto de pessoas como de empresas e indústrias. Esse profissional tem um campo de atuação muito vasto, podendo trabalhar inclusive com serviços de manutenção de aparelhos industriais.

Os vários tipos de Engenharia aqui apresentados trazem inúmeros benefícios e vantagens para seus estudantes. Eles também propiciam desafios que são essenciais para a formação de profissionais realmente capazes e eficientes. Por essas e outras é que esse campo tem atraído cada vez mais jovens em busca por melhores oportunidades de trabalho!

Por fim, se ainda está em dúvida, analise a grade curricular dos cursos desejados e veja qual deles se encaixa melhor no seu perfil! E se gostou das informações que trouxemos aqui, assine a nossa newsletter para ficar sempre por dentro das novidades do mundo acadêmico!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This