8 melhores práticas de marketing pessoal para sua carreira

Para conseguir boas oportunidades no mercado, você não pode esquecer de cuidar do seu marketing pessoal. Não, não estamos falando de cartões de visita nem propagandas! O marketing vai muito além disso!

Dar atenção à sua imagem, manter contato com as pessoas e sempre dar o melhor de si são formas de conquistar o respeito e admiração de todos. Não se engane: o vizinho que você cumprimenta no elevador pode ser aquele que vai indicar seu nome para uma boa vaga! Mas para isso, ele precisa ter uma excelente impressão sua.

Bom, vamos ao que interessa? Para saber como cuidar do seu marketing pessoal, siga as 8 dicas incríveis que preparamos para você!

1. Invista em networking

Se você nem sabe do que se trata, não tem problema, a gente explica: network é o termo em inglês que significa “rede de contatos”. Seus amigos no Facebook ou no LinkedIn fazem parte de seu network.

Já networking é a prática de ampliar essa rede e sempre mantê-la ativa. Afinal, de nada adianta adicionar o gerente de uma empresa onde você quer trabalhar e nunca falar com ele ou publicar nada de interessante. Portanto, mantenha suas redes sociais ativas, publique conteúdos interessantes e relacionados com sua área de atuação.

Também se preocupe em fazer networking fora da internet! Lembra do vizinho que falamos na introdução? Se você passar por ele e não der sequer um bom dia, ele não vai notar sua presença ou vai achar você mal educado. E nenhuma dessas duas opções é boa!

2. Aja espontânea e naturalmente

Ok, você deve ser educado e se relacionar bem com as pessoas ao redor. Também precisa publicar coisas bacanas às vezes, que mostrem que você é um profissional engajado com sua área. Mas não exagere, certo?

Se você exagerar, pode parecer que sua disposição é falsidade. Daí o tiro sai pela culatra. Não corra esse risco: seja natural, aja espontaneamente. Dê o melhor de si, mas sem mudar sua essência.

3. Cumpra suas promessas

Se tem algo que deixa alguém em descrédito é prometer e não cumprir. Quando você se dispuser a ajudar em um evento beneficente, compareça. Caso se comprometa a fazer publicações periódicas em um blog ou em uma rede social, siga o cronograma.

Em todos os aspectos, busque ser pontual e comprometido. Isso passa a impressão de que você é organizado e mostra que um possível empregador pode contar com você e confiar na sua palavra.

4. Aprenda a se comunicar bem

Tudo nessa vida envolve comunicação. Até para perguntar a hora, você precisa saber se comunicar — ainda mais nessa era conectada em que vivemos. Escrever errado, ser enrolado demais na hora de falar ou não se expressar claramente atrapalha seu marketing pessoal.

Imagine que você está conversando com alguém sobre uma vaga de trabalho no WhatsApp e comete um erro grosseiro. Ou que escreva usando muitos emojis e abreviações (“fds”, “gnt” etc.) Podemos escrever à vontade quando estamos entre amigos, mas em momentos mais formais, é preciso ter cuidado.

Seja direto ao expor suas ideias, não tenha medo e fale com clareza, indo direto ao ponto. Além disso, guarde a informalidade para os momentos de diversão e as conversas particulares.

5. Domine a arte de falar em público

Quer coisa mais encantadora do que uma pessoa que fala bem em público? Quando você ouve alguém falar, às vezes presta mais atenção ao modo como ela se expressa do que àquilo que ela está dizendo, não é?

Isso vale para os dois extremos: se alguém fala muito bem, isso hipnotiza os ouvintes. Quando ele gagueja, tem muitos vícios de linguagem, fala alto ou baixo demais etc., tudo isso tira o foco da mensagem e prejudica a imagem da pessoa.

Se você é alguém muito tímido, experimente treinar em casa, diante do espelho. Reúna amigos e explique que você quer treinar sua oratória. Depois, peça para eles darem um feedback sobre sua exposição.

Uma outra dica: grave vídeos! Pode ser no seu celular ou no computador. Imagine que está dando uma palestra ou participando de um seminário na escola ou faculdade. Depois que terminar, você avalia como ficou o resultado e procura pontos de melhoria, que tal?

6. Seja colaborativo

Existe algo que abre portas: a disposição para ajudar. Na maioria das empresas, os profissionais trabalham em equipe. Alguém que não colabora com os colegas acaba sendo malvisto por todos, inclusive pelo seu chefe.

Pratique ajudar as pessoas ao redor. Desde uma velhinha a atravessar a rua, até se engajar em uma campanha virtual. Quando estiver em uma atividade ou trabalho, seja aquela pessoa que aglutina, que junta toda a equipe para alcançar os resultados esperados — e não o chato que quer fazer tudo sozinho.

Em todo grupo, sempre vai haver aqueles que sabem mais e os que têm mais dificuldades. Às vezes você estará entre os primeiros e, em outras, em meio aos últimos. Portanto, ajude sempre quem precisa e você também vai encontrar apoio quando necessitar.

7. Pratique a proatividade

Sabe o que é ser proativo? É ver algo precisando ser feito e ter a iniciativa de colocar a mão na massa, antes de alguém mandar ou pedir. Quando você puxa a responsabilidade para você, mostra que não tem medo de trabalhar e que não espera por ninguém.

Essa característica é sempre um ponto tocado em toda divulgação de vagas e entrevista de emprego. Ninguém quer trabalhar com uma pessoa que só se mexe se disserem: “mexa-se!”.

Portanto, se você sabe o que precisa fazer ou vê algo que pode ser melhorado, trate de tomar a frente do processo. Caso tenha dúvidas se aquilo deve ou não ser tratado, pergunte a um superior ou a alguém responsável pelo ambiente. Mas não se mantenha passivo diante de situações que podem ser melhoradas!

8. Qualifique-se constantemente

Invista sempre em si. Não seja aquela pessoa que reclama que está difícil crescer ou conseguir a colocação dos sonhos, mas que não faz nada para mudar essa realidade.

Quando você faz cursos de extensão, conclui sua faculdade ou procura uma pós-graduação, além do conhecimento adquirido, está incrementando seu currículo e demonstrando que acredita e investe em si mesmo. Isso conquista a confiança das pessoas.

Estude constantemente: o conhecimento é algo que ninguém pode tirar de você e que vai ser útil nas mais diversas situações da sua vida profissional e pessoal.

Tomando os cuidados e adotando as posturas que sugerimos, você vai construir sua imagem por meio do marketing pessoal. Que tal passar essa mensagem adiante? Compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais, com seus amigos e colegas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This