11 técnicas para ler mais rápido que você precisa aprender agora mesmo

Quem se prepara para o vestibular precisa fazer várias leituras, já que são muitos os conteúdos que podem cair na prova. Por outro lado, sabemos que o dia a dia corrido pode dificultar os estudos, fazendo com que o candidato deixe de ter contato com alguns livros e matérias. Sendo assim, a solução para esse dilema é uma só: ler mais rápido.

Você sabia que o objetivo da leitura dinâmica é justamente englobar diferentes técnicas que proporcionam um aumento da velocidade de leitura? E o melhor: sem perder o entendimento e a memorização das informações, porque de nada adianta turbinar a leitura sem assimilar o conteúdo, não é mesmo?

Quer descobrir as melhores dicas de como ler mais rápido sem perder a concentração? Confira nosso post, conheça 11 técnicas e amplie suas chances de ingressar na faculdade!

1. Aplique o skimming

Se você quer saber como ler mais rápido, vai gostar do método skimming, palavra em inglês que vem de skimmer, que significa escumadeira — utensílio usado na cozinha para escorrer o óleo das frituras.

A técnica recebe esse nome porque consiste em “escorrer” rapidamente o texto, observando pontos principais como: título, imagens e gráficos, data da publicação, autor e assunto geral.

Ao adotar o hábito de aplicar o skimming, você consegue avaliar se vale a pena ler o texto completo. Às vezes existem conteúdos que não trazem exatamente o tipo de aprendizado que desejamos, e saber isso de antemão vai poupar bastante tempo.

2. Pratique o scanning

Mais uma técnica que utiliza uma palavra em inglês, mas dessa vez com um significado mais óbvio é a do scanning, que vem de “escanear”. Ao aplicar essa prática, o leitor explora rapidamente o texto, passando os olhos pelas palavras-chave principais. Isso também ajuda a ler mais rápido, pois torna-se possível pular direto para os trechos que mais interessam.

3. Pesquise antes de ler

A terceira dica pode parecer boba, mas no dia a dia dificilmente nos damos conta disso. Quando você já está familiarizado com um assunto, a leitura se torna muito mais rápida e o entendimento também é otimizado.

Imagine que você está lendo um texto que trata de um assunto do qual nunca ouviu falar. No início pode levar algum tempo até se habituar ao tema, não é mesmo? Serão várias palavras e expressões novas, e é possível que você tenha que recorrer diversas vezes ao dicionário.

Por outro lado, quando você conhece pelo menos o básico sobre o conteúdo que está lendo, fica mais fácil compreender as informações. Mesmo que existam palavras novas, é possível entender seu significado a partir do contexto da frase ou do parágrafo.

Portanto, para que a leitura não seja uma surpresa e não tome tempo demais, faça sempre uma pesquisa sobre o tema antes de ler. Por incrível que pareça, alguns minutos investidos nessa prática vão fazer você ler mais rápido, conseguir estudar mais e facilitar seu ingresso no ensino superior.

4. Leia um livro por vez

Durante a preparação para o vestibular, são muitas as leituras a serem feitas — tanto de literatura como das outras matérias. Na ânsia de aprender tudo rapidamente, o candidato pode querer apressar as coisas e começar a ler diversos livros ao mesmo tempo.

O problema é que essa divisão de foco faz com que a atenção diminua e o tempo necessário para compreender os textos aumente. Com isso, cada vez que você troca de um livro para o outro, acaba gastando um período extra para se ambientar e se concentrar novamente. Em diversos casos, pode ser que você tenha que ler duas ou três vezes a mesma página até conseguir retomar do ponto onde parou.

Portanto, em vez disso, faça somente uma leitura por vez. Esse foco ajudará você a ler de forma mais ágil, com mais concentração e fluidez. Quanto mais organizado e disciplinado for o seu estudo, mais fácil será lembrar detalhes do livro.

5. Não vocalize cada palavra

Muitas pessoas têm o hábito de vocalizar as palavras, isto é, ler em voz alta ou acompanhar discretamente as palavras com os lábios. É comum acharmos que essa atitude auxilia no foco e na concentração, porém ela pode aumentar drasticamente o tempo de leitura. Isso ocorre porque a visão é extremamente mais rápida do que a fala.

Por isso, acostume-se a acompanhar o conteúdo em silêncio, sem mexer a boca. Quanto mais você mantiver a atenção no texto dessa forma, mais rápido será o seu estudo.

Se tiver dificuldades em um primeiro momento, experimente ocupar suas cordas vocais com outra coisa. Por exemplo: você pode zunir para si mesmo ou ficar repetindo a mesma palavra sem parar. Essas táticas normalmente produzem um aumento instantâneo na velocidade da leitura.

6. Treine a visão periférica

A visão periférica, também conhecida como visão tangencial, é a capacidade de enxergar pontos ao redor ou à frente do campo visual. Em outras palavras, consiste em captar imagens que se formam na periferia das nossas retinas.

Um exemplo desse tipo de visão está nos esportes. Você certamente já viu um jogador de futebol ou de basquete fazer um passe lateral para o companheiro sem nem mesmo virar o pescoço para conferir se ele realmente estava lá.

O que nem todo mundo sabe é que esse tipo de visão também é muito importante para conseguirmos ler mais rápido. Sem prática, utilizamos somente o foco central, lendo apenas aquilo que está bem na frente de nossos olhos. Porém, com um pouco de treino, podemos dobrar a quantidade de palavras percebidas.

Para praticar essa técnica, basta aumentar aos poucos a parte do texto que você lê. Em vez de focar em uma única sílaba por vez, comece a ler a palavra toda. Em pouco tempo, com a ajuda da visão periférica, você estará lendo a linha toda de uma vez só.

7. Leia grupos de palavras

A partir da visão periférica, é possível ainda treinar mais uma técnica para ler mais rápido — a leitura de grupos de palavras. Você pode entender o significado das frases, agrupando três ou quatro palavras, que devem ser lidas de uma vez só. Pode parecer estranho, mas é tudo questão de se exercitar, porque nosso cérebro consegue assimilar o que está escrito sem necessariamente acompanhar palavra por palavra.

Chega um momento em que você ganha agilidade sem perder a compreensão do texto, assim pode estudar mais matérias para o vestibular em menos tempo ou ainda terminar uma obra que está todo mundo comentando sem perder tantos dias.

8. Não releia trechos

Muita gente simplesmente não avança na leitura porque tem o hábito de ficar voltando para reler alguns trechos. Bom, se você está repassando o conteúdo é porque está sem atenção. Em outras palavras: você não está rendendo, e a atividade está sendo entediante.

Estabeleça a regra de não repetir a leitura para que consiga se concentrar — se preciso coloque uma folha em branco em cima da página já lida para não voltar os olhos para o que já passou.

Quando terminar o texto, capítulo ou um número razoável de páginas, você pode refletir sobre o que leu e se ficou com dúvidas em algum ponto. Se necessário, somente ao final do estudo, releia trechos novamente para melhorar a compreensão.

9. Não sublinhe todo o texto

Uma dica de como ler mais rápido é ser econômico com a caneta marca-texto. Muitos estudantes querem destacar o que é mais importante e acabam quase que colorindo a página toda.

Destaque apenas a ideia central daquele assunto, ou seja, não perca o tempo de leitura sublinhando todos os parágrafos. Dessa forma, quando chegar a hora da revisão, você também ganha agilidade, pois consegue passar o olho nas marcações e entender o assunto.

10. Amplie o vocabulário

Uma técnica que vai ajudar a ler mais rápido é ter o hábito da leitura. Não entendeu? A ideia é se acostumar a ler diferentes textos (jornais, sites, revistas e livros) para que você vá, aos poucos, ampliando seu vocabulário. Essa estratégia pode dar uma forcinha inclusive no estudo de atualidades.

Assim, quando menos perceber, estará lendo mais rápido porque seu entendimento das palavras será maior.

Para isso, estipule, pelo menos, meia hora por dia para a leitura, deixe um dicionário por perto e aprenda sobre o significado das palavras. Assim, você vai adquirir um vocabulário rico e ficará craque na leitura e também no português.

11. Participe de um grupo de leitura

Que tal ter uma experiência de leitura coletiva? Isso mesmo, você pode participar de grupos com essa finalidade e acompanhar o mesmo livro com outras pessoas. Nesses encontros, há uma data para finalizar a obra, o que pode motivar você a pegar firme e ler mais rápido. Além disso, você terá a oportunidade de discutir sobre o que leu, interagir com as pessoas e trocar impressões sobre o livro.

Gostou das dicas para ler mais rápido? Ótimo, você já pode começar a treinar neste parágrafo! Aos poucos, a leitura dinâmica será parte da sua rotina, fazendo com que você assimile os assuntos em menos tempo, além de melhorar seu desempenho na prova de redação.

E falando em como ler mais rápido, fique por dentro também de 11 opções de curso de graduação para quem não gosta de ler!

 

Comments (2)

  1. Adorei as dicas e vou praticá-las.
    Obrigado

    1. Que maravilha! Depois fale para gente quanto livros você conseguiu ler! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This